Um multidão de pequenos mascarados, na qual é possível ver profissionais de saúde, toma o pequeno tecido que protege bocas e olhos em tempos de pandemia de covid-19. A estampa dessa máscara foi criada especialmente pela dupla dos artistas OSGEMEOS. Faz parte de uma ação solidária, tocada junto à Pinacoteca e que tem como saldo a doação de 100 000 acessórios de proteção a comunidades em diferentes partes do Brasil.

A primeira etapa da ação social contemplou comunidades indígenas e teve parceiros, a exemplo da Associação das Mulheres Sateré Mawé, baseada em Manaus, e a Fundação Almerinda Malaquias, na cidade de Novo Airão, também no estado do Amazonas.

Em São Paulo, o movimento também começou e 20 0000 pessoas em situação de vulnerabilidade social devem receber os acessórios por meio da distribuição tocada pelo espaço cultural Casa do Povo, o Instituto YBI de Fomento Sociocultural e a própria Pinacoteca.

Em tempo, não há ainda previsão de abertura da exposição da dupla OSGEMEOS na Pinacoteca. A mostra, que traz “segredos” dos irmãos do Cambuci teve sua abertura em 28 de março adiada, com a escalada de casos de coronavírus na cidade.